Brasil pode ter 80% a mais de hipertensos até 2025, diz pesquisa

Atualmente o país possui 17 milhões de pessoas que sofrem de pressão alta.


Até 2025, o número de hipertensos nos países em desenvolvimento, como o Brasil, deverá crescer 80%, segundo estudo conjunto da Escola de Economia de Londres, do Instituto Karolinska (Suécia) e da Universidade do Estado de Nova York.

No Brasil, existem atualmente 17 milhões de hipertensos, lembra o cardiologista Hélio Castello, chefe do serviço de hemodinâmica do Hospital Bandeirantes, de São Paulo. Ele cita números do Ministério da Saúde. “Autoridades públicas e toda a sociedade devem se conscientizar e iniciar a prevenção e o tratamento para evitar a pressão alta”, afirma.

Cigarro, sedentarismo, obesidade, má alimentação e álcool são os motivos que elevarão o número de pessoas com hipertensão.

Alguns números:

• 420 mil pessoas morrem, por ano, em conseqüência de AVC (acidente vascular cerebral), segundo a Organização Mundial da Saúde.

• Males cardiovasculares são responsáveis por 1,2 milhão de mortes por ano no país.

• 300 mil brasileiros são vítimas de infarto agudo do miocárdio.

• Doenças cardiovasculares são a primeira causa de morte no Brasil.

Fonte: Sociedade Brasileira de Hipertensão. Disponível em: http://www.sbh.org.br.

Deixe um comentário